Postagens

Versículo da semana:

VERSÍCULO DA SEMANA:
"E por que me chamais: Senhor, Senhor, e não fazeis o que eu vos digo?" (Lucas 6:46)


Frase do momento

Frase do momento:

"Não é minha intenção atacar o denominacionalismo do cristianismo como errôneo. Eu somente quero dizer que para que o corpo de Cristo encontre uma efetiva expressão local, a base de comunhão deve ser verdadeira. E esta base é a relação de vida dos membros com o Seu Senhor e a sua desejosa submissão a Ele como o Cabeça. Tampouco estou pleiteando por aqueles que irão fazer uma seita carnal daquilo que poderia chamar de 'localismo', isto é, a estrita demarcação de igrejas por localidades. Porque tal pode ocorrer facilmente. Se o que estivermos fazendo hoje em vida se tornar amanhã um mero método, tal que seu próprio caráter alguns dos Seus forem excluídos, possa o Senhor ter misericórdia de nós e quebrar tudo!" (A Vida Normal da Igreja Cristã, capítulo 4. Grifo nosso)

30 de ago de 2011

Você ė um sacerdote aprovado ou reprovado por Deus?


Um importante item na vida de todo cristão é o serviço adequado a Deus. O Senhor pode permitir que sirvamos no templo (uma figura da igreja), mas em que parte desse templo estamos servindo?
No tempo de Ezequiel há uma interessante distinção entre os sacerdotes levíticos que guardavam a porta do templo e os filhos de Zadoque, que ficavam no interior do templo, em comunhão com Deus. ´
E uma questão de intimidade no serviço: Podemos ficar à porta, suando ao servir às necessidades do povo de Deus. Podemos também ficar no interior, servindo, desfrutando e nos alimentando da presença de Deus.
Prosseguindo com a aplicação da figura destes dois grupos de sacerdotes do AT, podemos perceber a existência de dois tipos de cristãos nos dias de hoje:

1o. Tipo: Cristãos concentrados em servir ao povo. Preocupam-se em ganhar almas para o Senhor e servir ao Seu povo. São ávidos e rápidos em pregar o evangelho, mas não se preocupam em parar para  ouvir as instruções do Senhor a respeito de quando e como isso deve ser feito. Fixam-se em determinadas doutrinas e revelações,.mas não possuem uma visão panorâmica e profundo do Senhor na Bíblia. Por estarem focados no homem, centralizam-se em torno de homens. Por crerem que estão fazendo a vontade de Deus, dificilmente percebem que as diversas e sutis formas de idolatria, do desvio e do erro. Por gostar de servir ás necessidades e anseios do povo, criam estratégias para conquistar sua atenção. Criam lugares aconchegantes para orar, louvar, comer, tomar um cafezinho e até mesmo vender um livro, CD, DVD ou qualquer coisa que ajude na evangelização, no culto e na adoração. Por estarem às portas, gostam de  controlar quem entrava ou quem sai. Fazem todas estas coisas e muito mais, de forma muito animada e entusiasmada sem perceber que se afastavam da presença do Senhor.

2o. tipo: Cristão que gostam de ouvir ao Senhor e ler atentamente a Bíblia e guardar as ordenanças (a lei) a respeito do que fazer no santuário em tempos de desvio e idolatria. Se achegam a Deus e à Sua mesa para O servir, dentro do santuário. Não se preocupam nem se esforçariam com obras que produzissem  suor. Seriam acolhidos pelo Senhor em Sua mesa e em Sua intimidade.

Confira abaixo esta importante e reveladora passagem das Sagradas Escrituras e saiba qual era o segredo dos filhos de Zadoque para que fossem agradáveis ao Senhor:
"Mas os levitas que se apartaram para longe de mim, desviando-se de mim após os seus ídolos, quando Israel andava errado, levarão sobre si a sua punição. Contudo serão ministros no meu santuário, tendo ao seu cargo a guarda das portas do templo, e ministrando no templo. Eles imolarão o holocausto, e o sacrifício para o povo, e estarão perante ele, para o servir. Porque lhes ministraram diante dos seus ídolos, e serviram à casa de Israel de tropeço de iniqüidade; por isso eu levantei a minha mão contra eles, diz o Senhor Deus, e eles levarão sobre si a sua punição. E não se chegarão a mim, para me servirem no sacerdócio, nem se chegarão a nenhuma de todas as minhas coisas sagradas, às coisas que são santíssimas; mas levarão sobre si a sua vergonha e as suas abominações que cometeram. Contudo, eu os constituirei guardas da ordenança no tocante ao templo, em todo o serviço dele, e em tudo o que nele se fizer. Mas os sacerdotes levíticos, os filhos de Zadoque, que guardaram a ordenança a respeito do meu santuário, quando os filhos de Israel se extraviaram de mim, eles se chegarão a mim, para me servirem; e estarão diante de mim, para me oferecerem a gordura e o sangue, diz o Senhor Deus; eles entrarão no meu santuário, e se chegarão à minha mesa, para me servirem, e guardarão a minha ordenança. Quando entrarem pelas portas do átrio interior, estarão vestidos de vestes de linho; e não se porá lã sobre eles, quando servirem nas portas do átrio interior, e dentro da casa. Coifas de linho terão sobre as suas cabeças, e calções de linho sobre os seus lombos; não se cingirão de coisa alguma que produza suor." (Ezequiel 44:10-18).

O segredo dos filhos de Zadoque é revelado no versículo 15: "guardaram a ordenança a respeito do meu santuário, quando os filhos de Israel se extraviaram de mim". Uma parte importante das ordenanças a respeito da nossa relação com o Senhor para o serviço e a edificação do Seu santuário (a igreja) está na passagem abaixo:
"Depois tomarás o outro carneiro, e Arão e seus filhos porão as mãos sobre a cabeça dele; e imolarás o carneiro, e tomarás do seu sangue, e o porás sobre a ponta da orelha direita de Arão e sobre a ponta da orelha direita de seus filhos, como também sobre o dedo polegar da sua mão direita e sobre o dedo polegar do seu direito; e espargirás o sangue sobre o altar ao redor. (Êxodo 29:19-20)
Observe bem a ordem da purificação do sangue no corpo do sacerdote:
- orelha direita
- polegar direito
- direito
O que isto significa?
-Primeiro devemos purificar nossos ouvidos para ouvir ao Senhor. Como os ouvidos adequados, saberemos o quê Ele quer, quando Ele quer e como Ele quer. É Ele quem dita as regras para o nosso serviço e não estratégias formuladas por homens.
- Depois nossas mãos poderão O servir em nossa localidade. Ali, junto com os irmãos, ganharemos experiências mais profundas com Ele e com o Seu maravilhoso corpo.
- Depois nossos pés poderão caminhar para anunciar o evangelho em outras cidades
Lembremo-nos do exemplo de Paulo e da igreja em Antioquia:
Depois que creu no Senhor e recebeu todas as magníficas revelações, Saulo ficou, pelo menos, 10 anos, de molho, na igreja em Antioquia. Ele não fazia nada de extraordinário, "apenas" orava, jejuava e ministrava perante o Senhor. Ali ele vivia uma "vida da igreja"  normal com os irmãos, exercitando (sem CEAPE) os seus dons. Com ouvidos santificados e sensíveis, ele ouviu o suave falar do Espírito Santo que o separou, junto com Barnabé, para a obra .
Essa é a forma normal de servir ao Senhor!.
"Ora, na igreja em Antioquia havia profetas e mestres, a saber: Barnabé, Simeão, chamado Níger, Lúcio de Cirene, Manaém, colaço de Herodes o tetrarca, e Saulo. Enquanto eles ministravam perante o Senhor e jejuavam, disse o Espírito Santo: Separai-me a Barnabé e a Saulo para a obra a que os tenho chamado." (Atos 13:1-2)
Quem tem ouvidos ouça o que o Espírito diz as igrejas.
Com Amor, os Antipas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário:

Facebook