Postagens

Versículo da semana:

VERSÍCULO DA SEMANA:
"E por que me chamais: Senhor, Senhor, e não fazeis o que eu vos digo?" (Lucas 6:46)


Frase do momento

Frase do momento:

"Não é minha intenção atacar o denominacionalismo do cristianismo como errôneo. Eu somente quero dizer que para que o corpo de Cristo encontre uma efetiva expressão local, a base de comunhão deve ser verdadeira. E esta base é a relação de vida dos membros com o Seu Senhor e a sua desejosa submissão a Ele como o Cabeça. Tampouco estou pleiteando por aqueles que irão fazer uma seita carnal daquilo que poderia chamar de 'localismo', isto é, a estrita demarcação de igrejas por localidades. Porque tal pode ocorrer facilmente. Se o que estivermos fazendo hoje em vida se tornar amanhã um mero método, tal que seu próprio caráter alguns dos Seus forem excluídos, possa o Senhor ter misericórdia de nós e quebrar tudo!" (A Vida Normal da Igreja Cristã, capítulo 4. Grifo nosso)

9 de out de 2011

Os últimos 20 eventos proféticos

Nunca, em tempo algum, desde que o nosso Senhor andou como homem sobre a face desse planeta, houve um cumprimento tão rápido dos eventos proféticos como temos visto ocorrer atualmente. Aqueles que conhecem a Sua Palavra e as profecias ali contidas, sabem o significado destes nossos dias. As multidões e muitos cristãos devotos, ignoram totalmente o significado da crescente escalada diária, em nosso mundo, dos eventos que apontam para a eminente volta do Senhor.
Estima-se que existam um toral de 590 profecias específicas sobre a vinda e o retorno do Senhor Jesus. Somente no Antigo Testamento há 333 profecias detalhadas sobre a vinda do Cristo, escritas entre cerca de 1500 a.C. e 400 a.C, todas elas foram, até agora, plenamente
cumpridas! As profecias descrevem 590 eventos proféticos sobre a vinda e o retorno de Cristo, dos quais 570 já foram cumpridos, incluindo o imprevisível retorno do povo judeu para Israel e a extraordinária tomada de Jerusalém, ambos eventos recentemente ocorridos no século XX diante dos olhos estupefatos da humanidade.
Faltam, portanto, apenas 20 eventos para o retorno de Cristo. Muitos acreditam que o próximo evento é a reconstrução do templo em Jerusalém, mas algo muito importante irá acontecer antes disso. Este evento que antecede a reconstrução do templo é crucial para a vida de todo cristão que almeja alcançar a coroa da vida para reinar com Cristo.
Nesta série de mensagens, Christian Chen é usado para expor diante dos nossos olhos, um quadro bem amplo e nítido sobre o tempo em que vivemos. Estas ricas e esclarecedoras mensagens dirigem nosso
olhar para Aquele que é o único autor e consumador da fé que nos salvará da grande tribulação.
Para download destas mensagens clique [AQUI]

E quando a Sua segunda visitação se avizinha no horizonte, precisamos acionar o alarme do “despertador” de Deus, para não perdermos a hora... Não podemos ser surpreendidos dormindo! Dezessete dos trinta e nove livros do Antigo Testamento são proféticos, isto sem contar as numerosas predições contidas nos escritos de Moisés e nos Salmos. No Novo Testamento, capítulos inteiros nos evangelhos e muitas passagens nas Epístolas, além de todo o livro do Apocalipse, são devotados à profecia. J. Barton Paine, em sua Encyclopedia of Biblical Prophecies (Enciclopédia das Profecias Bíblicas), relaciona 1.817 predições na Bíblia: 1.239 no Antigo Testamento e 578 no Novo Testamento (págs. 674, 675). É claro que, dependendo do método de avaliação, este número pode ser muito maior.
O cumprimento destas profecias é uma das evidências mais fortes de que a Bíblia é a Palavra de Deus. Ao contrário de qualquer outro livro, a Bíblia oferece considerável quantidade de predições específicas, feitas dezenas, centenas ou até mesmo milhares de anos antes do seu cumprimento. É mister salientar que, ao nos referirmos às profecias bíblicas, não estamos falando de algumas frases, com sentido dúbio, das quais se pode extrair qualquer significado que se queira, como é o caso dos conhecidos horóscopos, mas a fatos e acontecimentos muito específicos.
Isto significa que a Bíblia é um tipo de manual de futurologia? É obvio que não. Como observado
anteriormente, o profeta bíblico não é primariamente um vidente, preocupado exclusivamente com o futuro, mas alguém que "fala por Deus,", na maioria dos casos, falando do futuro para orientar nosso presente.
Diante disso, resta-nos responder como deveremos viver hoje para não ter do que se envergonhar quando encontrá-lo face à face?
Clicando [AQUI} você poderá receber alguma luz sobre esta importante pergunta.

Um comentário:

  1. Graças ao Senhor por essas mensagens!

    Estamos acompanhando essas mensagens já faz algum tempo, comparando com as escrituras e realmente temos certificado que isso é assim.
    Que bom que esse site também, está a difundir material tão rico para o desfrute e estudo dos santos.
    Apreciamos também esse amado irmão (chen)que, mesmo após sofrer discriminação, e repudio, por ocasião de sua estada em sp, muitos anos atraz, vemos que ele apenas ficou em Cristo, seguindo os passos do rebanho verdadeiro, sem fazer alardes ou dissenções; e agora, após 30 anos, o ministério do Senhor continua sendo ensinado e praticado por muitos filhos de Deus em varios lugares da terra, sem necessidade se quer de citar o nome de seu servo, Toda Honra e Glória somente a Jesus Cristo.

    Aleluia!
    que possamos aprender com esses santos o verdadeiro significado da palavra antipas.

    Jesus Cristo É Senhor!!!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário:

Facebook